Notícias eventos

 

Pernambucred e Sescoop/PE realizam 1ª Corrida do Cooperativismo de Pernambuco

"
Recife, 17/6/2013 - O evento acontece no próximo dia 14 de julho, em comemoração ao Dia Internacional do Cooperativismo, com concentração na Rua da Aurora. As cooperativas Coomeb, Coopetrans, Fecoerpe, San Life, Unidonto Recife e Unimed Recife apoiam o evento, que é aberto ao público em geral. As inscrições encerram no dia 10 de julho e podem ser realizadas no site oficial da corrida.

Realizada em parceria pela Pernambucred e pelo Sescoop/PE, a corrida deverá reunir cerca de 1.000 pessoas em um momento que promoverá a celebração do cooperativismo e também da saúde e do bem-estar. “A cada dia as pessoas estão descobrindo as corridas como uma forma de se manterem mais saudáveis”, afirma Giovanni Prado, diretor de Expansão da Pernambucred. 

“É uma forma de incentivar a prática de atividades físicas, seja corrida ou caminhada. É também uma ótima oportunidade de reunir o segmento cooperativista”, frisa Madalena Nascimento, analista de Educação Profissional do Sescoop/PE. Além das cooperativas, outras instituições apoiam o evento, a exemplo da Atepe, do Sindifisco, do Fisco Saúde Pernambuco e da Garmin.

A corrida possui percurso de 5 km e 10 km e prevê premiação em dinheiro para os três primeiros lugares de cada modalidade. Já a caminhada poderá ser feita em 5 km. O valor arrecadado com as inscrições será encaminhado ao Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer (GAC) e à Pousada e Abrigo Filhos de Deus. 
(Fonte: Sistema OCB/Sescoop-PE)
"

Cooperativas mineiras se reúnem para debater desafios da comunicação

"

Belo Horizonte, 12/6/2013 – Promover a integração entre os comunicadores que atuam em cooperativas e fomentar importantes debates sobre comunicação empresarial. Com estes objetivos, o Sistema Ocemg realiza, de 12 a 14 de junho, o XV Encontro Estadual dos Profissionais de Comunicação das Cooperativas de Minas Gerais. Reunindo cerca de 70 participantes, o evento traz na programação palestras sobre ações de comunicação interna, empresarial e estratégica. O Sistema OCB acompanha o evento.

Representando o presidente do Sistema Ocemg – Ronaldo Scucato –, o Conselheiro de Administração da instituição, Geraldo Magela, conduziu a abertura que aconteceu na noite desta quarta-feira. Em sua breve apresentação, Magela destacou a importância do encontro para fortificar cada vez mais o trabalho das cooperativas mineiras. “A comunicação é, sem dúvida alguma, uma ferramenta fundamental. Nossa maior aliada”, frisou. E ressaltou a atuação sistêmica como essencial para intensificar o processo de comunicar os benefícios do cooperativismo à toda sociedade. “Este é um grande desafio para vocês, comunicadores: aumentar o conhecimento da população sobre o cooperativismo, com a importância e o destaque que ele merece”, acrescentou.

Década cooperativista – Magela abordou ainda o grande desafio proposto pela Aliança Cooperativa Internacional (ACI) de fazer desta a década do cooperativismo. “O coração do desafio 2020 é fazer com que, até lá, as cooperativas se convertam em líder reconhecido na construção da sustentabilidade econômica, social e ambiental; modelo empresarial preferido pelas pessoas e de mais rápido crescimento. E estes objetivos têm que estar inseridos nas políticas de comunicação do Sistema Cooperativista, para alcançarem bons resultados e a eficácia necessária”, afirmou.

Conferência ACI – O conselheiro destacou, ainda, a importância da participação das cooperativas na Conferência Regional da ACI que será realizada no Brasil, em outubro deste ano: “É extremamente relevante que as cooperativas estejam atentas a essa valiosa oportunidade de intercâmbio e participem, especialmente por ser em nosso país”.

Estratégico – Em seguida, teve início a programação do encontro, com a palestrante Olinta Cardoso. Ela apresentou o tema “Comunicação Empresarial na Prática”, trazendo exemplos de casos de sucesso de grandes organizações por onde atuou. Falando especificamente aos participantes, Olinta destacou: “Os comunicadores do sistema cooperativista têm um desafio muito grande: de promover uma transformação cultural no Brasil. E a principal alavanca para fazer essa transformação acontecer é a comunicação”.

E finalizou deixando uma forte reflexão aos presentes: “Acabou-se o tempo em que a comunicação trabalhava sem modelos, sem estratégia. O processo de comunicação precisa de planejamento”.

O encontro de comunicadores, que conta com a presença do Sistema OCB acompanhando as discussões e sugestões apresentadas, segue até sexta-feira (14/6), no Hotel Fazenda Canto da Siriema, em Jaboticatubas (MG). Nesta quinta-feira está previsto um workshop prático com o tema “Diálogo e cooperação para a comunicação estratégica”.
 

"

Seguros Unimed patrocina futebol brasileiro

"

A Seguros Unimed é a nova patrocinadora das seleções brasileiras de futebol. O contrato, assinado no último dia 2, terá duração de seis anos, com término previsto para julho de 2019, após a realização da Copa América. Serão contemplados todos os times – Principal, Olímpica, Sub 15, Sub 17, Sub 20 e Sub 23, além das seleções femininas e da própria Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O grupo contará, ainda, com os benefícios do plano de saúde da seguradora. 

"Estar com a CBF é uma trajetória natural de nossa história de marca. Nos últimos anos, investimos em duas modalidades: no futebol e nas provas de corridas de rua. Já patrocinamos, por exemplo, o Palmeiras e o Santos. Agora, elegemos apoiar os principais eventos esportivos que ocorrerão em nosso país: Copa das Confederações, Copa do Mundo e Paraolimpíadas", declara Rafael Moliterno Neto, presidente da Seguros Unimed.

A parceria permitirá à Seguros Unimed a exposição da marca em todas as ações e os eventos que tiverem a participação da CBF, no Brasil e no exterior. Também poderá utilizar mundialmente o título de "Patrocinadora Oficial da Seleção Brasileira de Futebol", bem como os uniformes da Seleção, nome, marcas, outros sinais distintivos e emblemas para a realização de ações publicitárias e promocionais. Os sinais oficiais e imagens da CBF e da Seleção também poderão ser usados para tal finalidade.

Outras contrapartidas - A seguradora ainda terá sua marca exposta no backdrop padrão da CBF durante entrevistas, na placa de publicidade estática, em amistosos de mando da Confederação, e em todos os treinos das seleções. E mais – haverá a exposição da logomarca da Seguros Unimed no site oficial da CBF como patrocinadora, e a logo da CBF também poderá ser aplicada nas carteirinhas do seguro saúde, envelopes e demais canais de venda e materiais publicitários. Terá direito, ainda, de ter sua ambulância nos jogos oficiais de mando da Seleção Brasileira e a extensão de todas essas ações para o Sistema Unimed. (Fonte: Seguros Unimed)

"

Prêmios de redação e dos professores começam a ser divulgados

"

As unidades estaduais do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) começaram a divulgar o 7º Prêmio Nacional de Redação e o 6ª Prêmio Professor do Programa Cooperjovem. O primeiro concurso é dirigido aos alunos da rede de ensino e cooperativas educacionais, que fazem parte do Programa Cooperjovem e que estão com suas informações cadastrais atualizadas junto à unidade nacional do Sescoop.

É uma ação cujo propósito é fortalecer a aprendizagem dos alunos, por meio da produção de textos com assuntos ligados ao cooperativismo e ao Cooperjovem. Neste ano, o Prêmio de Redação tem como tema “A cultura da Cooperação pela água e pela vida”. Ele é dividido em duas categorias: a primeira é destinada a alunos matriculados no 4º e 5º ano do ensino fundamental. Já a categoria 2 contempla alunos matriculados do 6º ao 9º ano do ensino fundamental. Em cada uma delas serão selecionados os três melhores trabalhos.

O Prêmio Professor Cooperjovem é uma ação do Sescoop Nacional, em parceria com as unidades estaduais, que visa a valorização e o reconhecimento dos professores do ensino fundamental das escolas públicas e cooperativas educacionais que desenvolvem com seus alunos atividades baseadas nos conteúdos do Programa Cooperjovem. Tem como pressuposto o fortalecimento da qualidade, o aperfeiçoamento, a inovação e o contínuo sucesso do trabalho do professor na escola.
 
A edição 2013 é um incentivo para que o professor desenvolva atividades capazes de ampliar as formas, metodologias, linguagens, didáticas e correntes pedagógicas de se trabalhar a cooperação na escola, maximizar a participação do aluno no processo de aprendizagem e valorizar a cooperativa e a própria escola no contexto cooperativo.
 
Para participar do 6º Prêmio Professor Cooperjovem, o professor deve atender aos seguintes critérios: ser professor da rede de ensino e/ou de cooperativa educacional, que atue no Programa Cooperjovem e estar com seus dados cadastrais atualizados na unidade nacional do Sescoop até o término do período de inscrição, conforme o calendário que consta no regulamento.
(Fonte: Sistema Ocepar)
 
 
"

Paraná se prepara para comemorar o Dia Internacional do Cooperativismo

"

Curitiba, 4/6/2013 - As cooperativas paranaenses já estão se preparando para comemorar o Dia Internacional do Cooperativismo, no dia 6 de julho. Como tem ocorrido tradicionalmente há seis anos, a celebração vai acontecer durante o Intercâmbio Cultural entre Cooperativas (ITC), evento promovido pelo Sistema Ocepar, com a coordenação do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop/PR).

Em sua sétima edição, o ITC deverá reunir 700 cooperativistas de todo o Estado no Pequeno Auditório da Escola de Negócios da Universidade Positivo, em Curitiba. A ideia é valorizar os talentos das cooperativas paranaenses e, ao mesmo tempo, promover a integração entre os participantes. A programação contempla apresentações de música, teatro, dança e poesia. Neste ano, 25 cooperativas se inscreveram para o evento.

O período para confirmar a participação no ITC aconteceu entre os dias 1º e 19 de abril. De acordo com os organizadores, foi necessário estabelecer esse prazo devido ao crescente interesse das cooperativas em inscrever suas atrações no evento.

O 7º ITC será transmitido ao vivo pelo portal do Sistema Ocepar (www.paranacooperativo.coop.br). Mais informações podem ser obtidas com a Comissão Organizadora pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..
(Fonte: Sistema Ocepar)

"

Seminário internacional de Direito aborda importância das cooperativas na economia nacional

"

Brasília, 27/5/2013 – “Gestão Pública – Inovações, Eficiência e Cooperação no âmbito da Administração Pública”. Este foi o tema do III Seminário Internacional de Direito Administrativo e Administração Pública, realizado pelo Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP) nos dias 23 e 24 da semana passada. Uma das mesas de debate do evento foi moderada pelo assessor Jurídico do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop), Paulo Roberto Chuery. Composta pelos ministros do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Ives Gandra Filho; do Tribunal de Contas da União (TCU), André Luis de Carvalho; e pelo Procurador do Estado do Rio de Janeiro (PGE/RJ), Flávio Amaral Garcia, a mesa trouxe como tema “Administração Pública e Cooperativismo”.

“O tema que mais obteve destaque entre os debatedores foi com relação à participação de cooperativas em licitações públicas”, pontuou Chuery. De acordo com o assessor, todos foram enfáticos ao defender que já não existe qualquer proibição a esta prática, inclusive no que diz respeito à União. “O que foi bastante ressaltado, tanto pelos ministros, quanto pelo procurador, foi a existência de disposições legais que permitam, atualmente, um grande fomento por parte do Estado para que as cooperativas, e também as micro e pequenas empresas, atuem mais fortemente neste segmento”, disse.
 
A importância do novo marco regulatório do cooperativismo de trabalho, a Lei nº 12.690/2012, foi outro ponto bastante ressaltado pelos participantes, destacando-se o impacto positivo da nova legislação na construção de uma nova visão sobre o segmento. Na opinião do Ministro Ives Gandra, com o advento da nova lei, é possível afirmar, inclusive, que o Termo de Ajustamento de Conduta firmado entre a União e o Ministério Público do Trabalho (MPT), que justamente limitava essa participação, perdeu sua validade.
"

Já estão abertas as inscrições para a sétima edição do Prêmio de Jornalismo Cooperativista Capixaba

"

Vitória, 22/5/2013 - Jornalistas de todo o Brasil que se interessam pelo cooperativismo capixaba já podem se alegrar: já estão abertas as inscrições para o 7º Prêmio de Jornalismo Cooperativista Capixaba! A sétima edição do Prêmio de Jornalismo Cooperativista chega a 2013 com ótimas novidades! Duas novas categorias foram incorporadas ao concurso, Fotografia e Cinegrafia. Com as novas categorias do Prêmio de Jornalismo Cooperativista, o evento se insere em uma das mais importantes formas de comunicação na atualidade, a imagem.

(Fonte: OCB-Sescoop/ES)

 

O Prêmio de Jornalismo Cooperativista é uma iniciativa do Sistema OCB-SESCOOP/ES, que tem como objetivo contribuir para a educação Cooperativista e incentivar a divulgação dos projetos, bem como das ações econômicas e sociais realizadas pelas Cooperativas Capixabas.
 
O Prêmio foi criado em 2007 e a cada ano, a participação dos jornalistas aumenta consideravelmente. E nessa 7ª edição temos certeza de que vamos além! A festividade de premiação, por exemplo, será realizada em uma noite de sexta- feira e não mais às quintas-feiras, como foram realizados os eventos anteriores. Dessa forma esperamos garantir a participação ainda maior dos jornalistas do interior do Estado e maior conforto aos profissionais da grande Vitória.
 
O local e forma de apresentação também foram repaginados, e as inscrições estão iniciando com meses de antecedência. Além disso, a equipe da assessoria de comunicação do Sistema OCB-SESCOOP/ES envia releases para os meios de comunicação sobre as novidades do cooperativismo do Espírito Santo.
 
PAUTA
O ano de 2012 foi decretado pela ONU como o Ano Internacional das Cooperativas e em 2013 o cooperativismo continua em pauta, pois foi decretado também pela Organização o Ano Internacional de Cooperação pela Água. Acreditamos que o setor está vivenciando seu melhor momento dos últimos anos e a mídia está reconhecendo. É essencial que o cooperativismo seja pauta constante da mídia do Estado e do país, e o Prêmio de Jornalismo é um incentivo para que isso aconteça!
 
CATEGORIAS
Além das novas categorias de Fotografia e Cinegrafia, a 7ª edição do Prêmio de Jornalismo Cooperativista continua contando com as categorias de impresso, online, telejornalismo e radiojornalismo.
E assim como nos anos anteriores, o júri técnico irá premiar os três melhores trabalhos inscritos em cada uma das seis categorias. Serão premiados os primeiros e segundos colocados de cada categoria e assim como vem acontecendo desde 2010, o “Voto Popular” premiará as matérias que mais obtiverem votos através do site oficial do Prêmio (www.premiodejornalismo.coop.br).
 
As 10 melhores matérias de cada categoria, pré-selecionadas pela comissão julgadora, ficarão disponíveis para votação no site oficial durante dez dias. A que obtiver o maior número de votos, em cada categoria, será a vencedora do “Voto Popular”.
 
Confira abaixo os valores de premiação:
1º Lugar 3.700,00
2º Lugar 3.000,00
Voto Popular 2.000,00
 
Para mais informações acesse o site www.premiodejornalismo.coop.br ou entre em contato com a nossa assessoria de comunicação pelo email Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelo telefone (27)2125-3200.
"

Começa a mobilização para o Dia C em Minas

"

Foi dada a largada para uma das mais importantes ações do calendário cooperativista mineiro. A edição 2013 do Dia de Cooperar - Dia C, foi lançada na última semana, na sede do Sistema Ocemg, com a participação de mais de 120 cooperativistas, bem como uma comitiva representando o Sescoop Nacional. Na oportunidade, o público teve a oportunidade de conhecer mais detalhes sobre a campanha deste ano, que será guiada pelo tema "Por que fazer sozinho, se podemos fazer juntos?".

O Dia C será realizado no dia 14 de setembro, em várias localidades brasileiras, e a expectativa é que este ano seja registrado recorde de participação, pois, pela primeira vez, a ação acontecerá também no Rio Grande do Norte, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás, além de Minas Gerais.
Durante o evento de lançamento da campanha, a Coordenadora de Promoção Social do Sistema Ocemg, Cláudia Mello, apresentou o conceito da campanha, convidando os presentes para uma reflexão de solidariedade. Os participantes também conheceram, em primeira mão, o vídeo de mobilização do projeto para 2013 e os demais materiais de divulgação: boné, camisa, chaveiro, balão, cartilha, flyers, cartaz, mãozinha e o Blog do Dia C repaginado.

"Por que fazer sozinho, se podemos fazer juntos?"
Como o próprio nome sugere, o Dia de Cooperar é uma oportunidade para que o meio cooperativista interaja internamente, propondo ações de melhoria e solidariedade para o ambiente externo. Assim, a campanha 2013 reforça o sentido de cooperação em rede, onde as intenções multiplicadas por um grupo de pessoas são capazes de fazer a diferença.
 
Experientes no projeto, alguns dos cooperativistas presentes no lançamento exemplificaram como esse trabalho em rede é capaz trazer benefícios. "Esse é o quarto ano que estamos participando. Começamos com um projeto pequeno, mas que deu muito resultado. A partir daí, convidamos outra cooperativa para uma parceria. Então fizemos um trabalho bem maior, que foi concretar o piso de uma escola da cidade. O interessante é que conseguimos todos os recursos através de doações, inclusive a mão de obra", lembrou Luiz Carlos Moratto, diretor administrativo do Sicoob Credioeste, da cidade de Abaeté.
 
A partir de agora, as cooperativas interessadas em promover exemplos de solidariedade já podem se inscrever no Dia C 2013. Para saber mais sobre o projeto, conhecer o regulamento de participação, conferir notícias, dicas e orientações, vídeos, materiais de divulgação, baixar a ficha de inscrição e ainda acompanhar todas as novidades sobre a iniciativa, acesse: www.minasgerais.coop.br/diac.
(Fonte: Sistema Ocemg)
"

Curitiba vai sediar a próxima Feira Internacional das Cooperativas

"

A Expocoop 2014 – Feira Internacional das cooperativas – será realizada na Expo Unimed, em Curitiba (PR), com a data inicialmente programada para o mês de maio do ano que vem. O evento, também conhecido como ICA Expo, é promovido pela Aliança Cooperativa Internacional (ACI), em parceria com os Sistemas OCB e Ocepar, e deverá reunir na capital paranaense representantes de cerca de 25 países. Esse foi um dos temas tratados na reunião ordinária da diretoria da Ocepar, na manhã desta segunda-feira (13/5), em Curitiba.

O presidente da WTM, empresa organizadora do evento, Luiz Augusto Branco, forneceu detalhes sobre a Expocoop 2014 aos diretores da Ocepar. Trata-se da quarta edição da feira, que é promovida a cada dois anos. Anteriormente, foi realizada em Portugal, Índia e Londres. Segundo Branco, “este importante evento tem como objetivo promover o crescimento e desenvolvimento das cooperativas, expandir a intercooperação nacional e internacional e consolidar contatos e criar novas oportunidades de negócios. Visa ainda aumentar a visibilidade do setor cooperativista, apresentar os valores e princípios cooperativos e mostrar porque os compradores devem fazer negócios com cooperativas”, disse.

Setores – A feira terá um pavilhão nacional, com exposição direta das cooperativas brasileiras, e outro internacional, onde deverão ser gerados intercâmbio comercial e promoção de negócios para as cooperativas. Haverá a apresentação de produtos diversos, da área de alimentos, bebidas, agricultura, têxtil, turismo, artesanato, turismo, saúde, crédito, entre outros. Tanto a OCB como o Sistema Ocepar terão um espaço de destaque na Expocoop 2014.
 
Está sendo projetada a visitação de seis mil pessoas. “Além disso, a programação contempla eventos paralelos como visitas técnicas as principais cooperativas do Paraná, rodadas de negócios, workshop, painéis empresariais e técnicos, seminário sobre segurança alimentar, que deve contar com a presença do embaixador do cooperativismo na FAO, Roberto Rodrigues, e Seminário destinado a preparar cooperativas para o comércio exterior”, salientou Luiz Augusto Branco.
(Fonte: Sistema Ocepar)
"

Vencedora do Prêmio Nacional de Redação do Programa Cooperjovem recebe prêmio em Teresina

"

Teresina, 10/5/2013 - Foi entregue na última terça-feira, dia 07, um notebook como premiação pelo 1º lugar no Prêmio Nacional de Redação do Programa Cooperjovem 2012, para a Cooperativa Educacional de Teresina-Coetel. Por decisão da diretoria e coordenação da cooperativa, Nidya Ruthy Oliveira, autora da redação, recebeu o prêmio. A aluna, que também ganhou uma viagem para Nova Petrópolis-RS, considerada a Capital Nacional do Cooperativismo, concorreu com mais de 18 mil redações e colocou o Piauí em destaque nacional entre as cooperativas educacionais de todo o país.

A entrega foi feita pelo superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Piauí-Sescoop/PI, Marcos Moraes, na sede na cooperativa onde Nidya estuda, e reuniu professores, alunos e coordenadores. “Espero que esta premiação seja exemplo para que outros alunos continuem tendo bons desempenhos neste Prêmio Nacional, porque o Programa só existe por causa dos alunos”, declarou.

Com muita propriedade sobre Cooperativismo, já que sempre foi aluna de cooperativa educacional, a estudante fez uso de todo o conhecimento de causa que possui para trabalhar em forma de diário sua dissertação e alcançar o primeiro lugar no concurso de redação. O tema proposto pela organização do Prêmio foi “Cooperativas constroem um mundo melhor”, e Nidya acredita que o formato de seu texto foi o diferencial entre ela e os demais candidatos.
 
Para Bernardo Cavalcante, presidente da cooperativa educacional onde a aluna estuda, o prêmio traz responsabilidades. “Estamos num momento de resgate do hábito da leitura, que vem sendo desvalorizado com o tempo. Nós sabemos que para escrever é muito importante ter uma boa leitura, e esse Projeto vem para incentivar esse hábito de leitura e escrita, necessário para a toda a vida. O prêmio mostra que estamos na linha certa, e nos remete ainda a um compromisso de manter esse trabalho”, afirma.
(Fonte: Sescoop/PI)
"

Manejo de inverno para frangos de corte é tema de palestra promovida pelo Grupo GTFoods na Expoingá 2013

"

O Grupo GTFoods promove no dia 11 de maio, sábado, as 9h30, uma palestra sobre “Manejo de inverno para frangos de corte”. A palestra é destinada a produtores integrados e interessados na atividade avícola e acontece durante a Exposição Feira Agropecuária, Industrial e Comercial de Maringá (Expoingá 2013).

Após a palestra será oferecido um almoço comemorativo em que serão premiados os 10 melhores integrados de 2012, através de cálculo de média anual de todos os lotes. “Estaremos premiando também a melhor conversão alimentar do ano de 2012, item de maior importância no processo de criação do frango. A conversão alimentar é fruto de todo o manejo do integrado desde o recebimento do pinto de um dia até a saída do lote”, explica o gerente do Departamenteo Agroindustrial da empresa, Ildeu Canalli Junior.

Além desse evento, o Grupo GTFoods irá manter durante toda a feira um estande onde os produtores e interessados em avicultura poderão conversar com técnicos da empresa sobre produção de frango, linhas de financiamento para avicultores e manejo.

Os interessados em participar da palestra sobre manejo no inverno devem entrar em contato com o supervisor de aviários do Grupo GTFoods, Aguinaldo Bulla, pelo telefone (41) 9911-5068. As vagas são limitadas.


Sobre o Grupo GTFoods
Criado em 2011, o Grupo GTFoods é composto pelas marcas Frangos Canção, Gold Frango, Mister Frango, e a marca Bellaves. A empresa verticaliza a cadeia produtiva desde as matrizes de recria e produção, até a distribuição do produto acabado. Sua força de vendas abrange, no mercado interno, o atendimento de clientes em todo o país, e, no mercado externo, mais de 70 países. 

O Grupo GTFoods teve origem com a empresa Frangos Canção em 1992, na cidade de Maringá. O faturamento bruto previsto para 2013 tem previsão de ser superior a R$ 1 bilhão. Atualmente, o grupo abate aproximadamente 480 mil aves por dia. Mais informações: www.gtfoods.com.br.
(Fonte: GTFoods)
 

"

Vem aí o 13º Intercalu: um show de oportunidades ao produtor rural

"

A Cooperativa Agropecuária Ltda. de Uberlândia (Calu) realizará, entre os dias 14 e 18 de maio, a 13ª edição da exposição agropecuária Intercalu. O evento reunirá cooperados e produtores rurais de toda a região, no Camaru, em Uberlândia. Julgamento e exposição ranqueada de animais da raça Girolando, leilão de elite, shopping de animais, palestras e a 5ª Feira de Negócios Calu fazem parte da programação.

Todo o evento será realizado em um espaço de aproximadamente 2.000 m² de área coberta. No local, fornecedores de produtos agropecuários e veterinários montarão estandes onde vão comercializar itens com preços e prazos para pagamento especiais. “A Calu, em parceria com os fornecedores das suas lojas agropecuárias, vai levar ofertas imperdíveis para a Feira de Negócios”, informa o diretor presidente da Calu, Cenyldes Moura Vieira.
 
Palestras gratuitas - Outra atração do 13º Intercalu é a oportunidade de atualização técnica. No dia 14, será realizado um “Dia de Tecnologia” com o objetivo de levar novidades tecnológicas do setor da pecuária leiteira aos produtores e, nos dias 15 e 16, haverá palestras gratuitas para os participantes. “Nós convidamos palestrantes de peso para trazer aos participantes novas tecnologias na produção de leite. Uma maneira da Calu estimular a profissionalização de seus cooperados e produtores da região”, explica Robin Rodrigues, gerente do Departamento de Assistência Técnica da Cooperativa.
 
1º Copa Marcha - Uma novidade promete diversificar o público do Intercalu. Pela primeira vez, em parceria com a Associação dos Criadores de Cavalo Mangalarga Marchador do Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas (ACCMMTAN), o evento vai sediar a 1ª Copa Marcha ranqueada da raça.
 
O concurso tem como objetivo avaliar quesitos como a marcha e a estrutura física do animal. “A nossa intenção é divulgar a raça e aproximar os animais do público, além de incrementar as atividades do Intercalu, que é uma feira tradicional e muito importante para o produtor rural”, ressalta o presidente da ACCMMTAN, Marco Valério de Oliveira Ramos.
 
Leilão de Elite e Shopping de Animais - O 13º Leilão de Elite Intercalu e Convidados será realizado no sábado (18/05), a partir das 15 horas, no mesmo local da feira. Na pista, serão apresentados animais de alta qualidade genética. Muitos oriundos do Programa de Melhoramento Genético da Calu que poderão ser adquiridos com o pagamento distribuído em até 24 parcelas.
 
O evento é organizado pela empresa CP Leilões, do leiloeiro Cassio Paiva. Os produtores que têm interesse em levar ou adquirir animais devem entrar em contato com a equipe da leiloeira pelo telefone (34) 3210-5505, para antecipar o cadastro.
 
A mesma orientação é feita aos produtores que vão levar animais para o shopping. Os interessados devem também entrar em contato com a CP Leilões.
 
No shopping de animais, serão comercializados exemplares caracterizados pela alta produtividade. Eles estarão disponíveis para a venda nos pavilhões do parque de exposições, entre os dias 14 e 17. “Vamos dividir o pagamento em até 12 parcelas mensais”, informa Cássio Paiva.
 
Premiação - A cada R$ 1.000,00 em contrato de compras fechado durante a 5ª Feira de Negócios Calu, o cliente ganhará um cupom para concorrer a uma camionete S-10 zero quilômetro. “Um presente para quem prestigiar a Cooperativa. Esperamos um crescimento de 80% no faturamento do Intercalu e esse não deixa de ser um grande atrativo para o produtor”, argumenta Cenyldes Moura Vieira.
 
Transmissão ao vivo - Pela primeira vez, todo o evento será transmitido, ao vivo, pela internet. A empresa Interural fará a transmissão. O link para acesso vai ficar disponível no site da empresa (www.interural.com), bem como no site da Calu (www.calu.com.br).
 
“Inclusive o Leilão de Elite será transmitido, dando a oportunidade para os produtores, que não puderem comparecer ao evento, darem lances”, informa Mário Neto, diretor da Interural.
 
A entrada para o Intercalu é gratuita.
(Fonte: Calu)
"

Cooperativismo terá programa nacional de incentivo à solidariedade e à promoção social

"
Belo Horizonte (7/5) – Consultas médicas e odontológicas gratuitas, oficinas de artes, apresentações musicais, cursos de reciclagem e muitas outras atividades cidadãs. Tudo isso num único dia. Essa é a essência do “Dia C: Dia de Cooperar”, programa originalmente realizado em Minas Gerais, mas que, agora será realizado nacionalmente. A expansão do programa foi oficializada hoje, com a assinatura de um termo de cooperação entre os presidentes do Sistema OCB, Márcio Lopes de Freitas, e do Sistema Ocemg, Ronaldo Scucato.
 
O presidente do Sistema OCB, Márcio Lopes de Freitas, elogiou a iniciativa da Ocemg de ceder a ideia do Dia C para todas as unidades estaduais interessadas em aderir ao programa. “O Dia C é um programa maravilhoso porque envolve pessoas e propaga o cooperativismo", elogiou. "Esse evento comprova a vocação que nós, os verdadeiros cooperativistas, temos de ‘servir’ a sociedade. Tem  gente que quer apenas ser servido, mas nós somos diferentes".
 
Lopes de Freitas utilizou a palavra “gratidão” para descrever seu sentimento à equipe da Ocemg. "Liderada pelo presidente Ronaldo Scucato, a Ocemg gera resultados, programas e idéias fantásticos", garantiu. 
 
Solidariedade
O presidente do Sistema Ocemg, Ronaldo Scucato, agradeceu o empenho e o esforço das equipes que vieram das unidades estaduais e das cooperativas mineiras a fim de  participar da assinatura do termo de cooperação do Dia C. “É assim, com um objetivo em comum e com a solidariedade de todos, que poderemos, um dia, alcançar o patamar de um país mais justo, mais cheio de igualdade”, comentou Scucato. 
 
Para o líder mineiro, a sociedade precisa conhecer melhor os projetos e as iniciativas desenvolvidas no âmbito do coopeerativismo. “As cooperativas trabalham e ajudam muito as comunidades onde estão inseridas, mas não anunciam, não dão publicidade a essas ações. A única coisa que é noticiada é a comercialização de produtos e serviços. Mas as cooperativas fazem muito mais do que fazer negócios”, enfatizou.
 
A assinatura do termo de cooperação do "Dia C" aconteceu diante de uma assembléia com mais de 100 pessoas, nesta terça-feira (08/05), no auditório da Ocemg, em Belo Horizonte (MG). Representantes do cooperativismo brasileiro, cooperados e profissionais responsáveis pelas áreas de promoção social da unidade nacional do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) e das unidades estaduais de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte prestigiaram o evento.
 

Entenda o "Dia C"

Idealizado na terra do pão-de-queijo, o Dia C foi criado para estimular a solidariedade e a cooperação, a partir do trabalho das cooperativas mineiras.  O sucesso da iniciativa foi tanto que o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) decidiu expandir o programa a todo o Brasil a partir de 2014. 

O piloto nacional do programa será realizado este ano em Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte. Normalmente as ações do “Dia C” ocorrem no primeiro sábado de setembro, mas tendo em vista o feriado de 7 de setembro que, neste cai exatamente no primeiro sábado, a Ocemg decidiu promover a ação no dia 14 de setembro. O tema deste ano terá o mote: “Por que fazer sozinhos se podemos fazer todos juntos?”.

A mascote da ação é uma mão, chamada de “Mãozinha”. Ela simboliza a doação, a união, o compartilhamento e a cooperação, sempre numa via de “mão dupla”. Mais informações sobre o projeto e sobre as ações das cooperativas mineiras poderão ser encontradas no blog:www.minasgerais.coop.br/diac.            

"

Vem aí o Dia C Nacional

"

Belo Horizonte, 7/5/2013 – Representantes de cinco estados brasileiros – Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte – estiveram reunidos nesta segunda-feira, discutindo os detalhes da expansão do programa de promoção social “Dia C: Dia de Cooperar”.

Idealizado na terra do pão-de-queijo, o programa foi criado para estimular a solidariedade e a cooperação, a partir do trabalho das cooperativas da região. O sucesso da iniciativa foi tanto que o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) decidiu expandir o programa a todo o Brasil a partir de 2014. O piloto do programa será realizado este ano em Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte.

Em 2012, o “Dia C” mobilizou 217 cooperativas de 231 municípios mineiros, reunindo 37 mil voluntários que beneficiaram 269 mil pessoas, por meio de consultas médicas gratuitas, oficinas, peças de teatros, cursos de reciclagem e muitas outras atividades cidadãs.

“O Dia C é um sonho nosso de estimular a solidariedade entre as pessoas, porque esse é um valor intrínseco do cooperativismo”, afirmou o presidente do Sistema Ocemg, Ronaldo Scucato. Segundo ele, o brasileiro ainda não tem a cultura da solidariedade, ao contrário dos países mais desenvolvidos. E é por isso que o “Dia C” é tão importante: para promover a internalização dessa ideia na rotina dos cooperados, seus familiares e empregados de cooperativas.

“As culturas do individualismo e do imediatismo estão impregnadas em nós. O ‘Dia C’ é bom porque tem a possibilidade de ser prolongado. É uma idéia que tem continuidade. Não estamos fazendo política, apenas devolvendo um pouco do que nos sobra, a quem não tem. O ‘Dia C’ tem começo e meio, mas não tem fim”, frisou Scucato.

Intercooperação - A coordenadora de promoção social do Sistema Ocemg, Cláudia de Mello, apresentou o projeto do “Dia C”, contando que a ideia surgiu quando a entidade percebeu que muitas cooperativas já desenvolviam ações sociais individualmente. “Então, nós sistematizamos esse evento, cujo foco é o bem-estar comum. Nesse dia, todas as cooperativas exercem simultaneamente uma atividade para melhorar a vida das pessoas”, comentou.

O “Dia C” é uma forma de aproximar o movimento cooperativista das pessoas e, acima de tudo, de ouvir o que elas têm a dizer sobre a mudança que esperam para sua comunidade. “É um dia no qual todas as cooperativas estarão juntas, para reforçar a imagem do cooperativismo. É pra isso que serve o “Dia C” para mostrar à sociedade tudo aquilo que as cooperativas fazem em prol de todos aqueles que vivem em seu derredor”, concluiu o presidente do Sistema OCB/Sescoop-MG, Ronaldo Scucato.

Dia C 2013 – Normalmente as ações do “Dia C” ocorrem no primeiro sábado de setembro, mas tendo em vista o feriado de 7 de setembro que, neste cai exatamente no primeiro sábado, a Ocemg decidiu promover a ação no dia 14 de setembro. O tema deste ano terá o mote: “Por que fazer sozinhos se podemos fazer todos juntos?”.

O projeto-piloto de expansão do Dia C será coordenado pela gerente de promoção social da unidade nacional do Sescoop, Maria Eugênia Ruiz, em parceria com os dez integrantes do Comitê de Diretriz de Promoção Social da entidade. “O grande foco da campanha é transformar ações isoladas em um movimento de solidariedade cooperativista”, informou. “Ao ter uma atuação nacional, conseguiremos resultados consolidados que trarão uma visibilidade expressiva ao Sescoop e ao sistema cooperativista. Juntos, vamos estimular o desenvolvimento humano a partir do trabalho voluntário”, concluiu Maria Eugênia.

Assinatura - Os presidentes do Sistema OCB (Márcio Lopes de Freitas) e do Sistema Ocemg (Ronaldo Scucato) assinam, nesta terça-feira (7/5) em Belo Horizonte (MG), um termo de cooperação para a realização, em âmbito nacional, do programa de promoção social Dia de Cooperar (Dia C). Além de Minas Gerais – idealizador do projeto –, os estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte estarão envolvidos na primeira edição do “Dia C”, previsto para 14/9.

Saiba mais sobre o “Dia C”

Objetivo: Promover e estimular as ações voluntárias num grande movimento de solidariedade por meio do cooperativismo.

Mascote: A mascote da ação é uma mão, chamada de “Mãozinha”. Ela simboliza a doação, a união, o compartilhamento e a cooperação, sempre numa via de “mão dupla”.

Participação de cooperativas: A primeira ação aconteceu em 2009. No início, apenas 139 das 780 cooperativas vinculadas à OCEMG aderiram à campanha. No ano passado, foram 217 organizações participantes.

Número de municípios contemplados, em 2009: 76

Número de municípios contemplados, em 2012: 216 municípios

Voluntários, em 2010: 15 mil

Voluntários, em 2012: 37 mil

Total de beneficiados, somente em 2012: cerca de 270 mil pessoas

Mais informações sobre o projeto e sobre as ações das cooperativas mineiras poderão ser encontradas no blog: www.minasgerais.coop.br/diac.

 Assista ao vídeo promocional do Dia C 2013































Fonte: Ocemg

 

"

Sescoop/RS e governo do Estado firmam parceria

"

A elaboração de projetos de açudes viabilizados pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Obras Públicas, Irrigação e Desenvolvimento Urbano (SOP), será desenvolvida em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do RS, Sescoop/RS. Um Termo de Cooperação Técnica Interinstitucional foi assinado nesta quinta-feira (02), pelo titular da SOP, Luiz Carlos Busato, e pelo presidente do Sistema Ocergs-Sescoop/RS, Vergilio Perius.

O convênio tem como objetivo o crescimento da produção e da produtividade do agronegócio no Estado, assim como a redução dos efeitos da estiagem e dos impactos ambientais provocados pela atividade agropecuária. Caberá ao Sistema Ocergs-Sescoop/RS acompanhar e avaliar junto às cooperativas vinculadas ao Sistema a evolução da implantação de projetos de açudes, bem como informar a SOP sobre o andamento dos projetos.

Outra das atribuições do sistema cooperativo gaúcho é utilizar a estrutura da Faculdade de Tecnologia do Cooperativismo – Escoop, para levar orientação técnica aos produtores associados às cooperativas. Também deverá incentivar suas associadas a utilizarem os usos múltiplos da água e suas publicações, cursos e eventos para a divulgação do Pró-Irrigação.

Participaram da reunião o gerente de Monitoramento do Sescoop/RS, José Máximo Daronco, o diretor de Assuntos Estratégicos da SOP, Djedah Lisboa, e o diretor do Departamento de Desenvolvimento Urbano da SOP, José Luiz Mendel.

(Fonte: Sescoop)

"

Casa Cooperativa de Nova Petrópolis homenageia presidente do Sistema Ocergs-Sescoop/RS

"

Anualmente, a Casa Cooperativa de Nova Petrópolis homenageia uma personalidade cooperativista, reconhecendo quem faz a diferença neste movimento e perpetua os seus princípios. Neste ano, os membros da Casa escolheram, por unanimidade, Vergilio Frederico Périus para ser o membro benemérito da entidade. A homenagem foi realizada durante a Assembleia Geral Ordinária do Sistema Ocergs-Sescoop/RS, que ocorreu na última quinta-feira, dia 24, na Escoop, em Porto Alegre. Nilson Olbermann e Mário José Konzen, vice-presidentes das cooperativas Piá e Sicredi Pioneira RS, representaram a Casa Cooperativa no evento.

Konzen agradeceu o constante apoio de Périus nas ações de promoção ao cooperativismo em Nova Petrópolis. “Nossa entidade tem a principal preocupação de promover a educação cooperativista, mas também visa sempre reconhecer quem faz a diferença para que as pessoas sejam mais solidárias e cidadãs. Agradecemos ao professor Vergílio por sempre estar disposto a apoiar a Capital Nacional do Cooperativismo”, afirmou Konzen.



Perius agradeceu a homenagem, salientando que Nova Petrópolis respira cooperativismo, e parabenizou a Casa Cooperativa pelo projeto das cooperativas escolares, que está crescendo e se destacando cada vez mais na região e em todo o estado. No evento, as cooperativas escolares estiveram representadas por Fernanda Fiorini, presidente da Fecoopes Pioneira (Federação das Cooperativas Escolares), e Ana Cláudia Dietrich, vice-presidente da Cooebompa (Cooperativa escolar do colégio Bom Pastor, de Nova Petrópolis)



(Fonte: Ocergs)

"

Café das montanhas se consolida e gera novos negócios em feira nos EUA

"

Independente da variação do mercado e de outros fatores que interferem diretamente na agricultura, a Cooperativa dos Cafeicultores das Montanhas do Espírito Santo (Pronova) tem como meta garantir mercado para os grãos especiais nos próximos 15 anos. Isso significa um comércio mais direto com os compradores, em especial os estrangeiros, cada vez mais interessados na qualidade do produto da região.

Após sua quinta participação na Feira Americana dos Cafés Especiais (SCAA), realizada entre os dias 11 a 15 de abril, em Boston (EUA), o presidente da cooperativa, Pedro Carnielli, afirma estar mais seguro para novos negócios, tendo em vista a consolidação dos cafés arábica das montanhas como um produto diferenciado aos olhos dos investidores internacionais. Durante o evento, o café de qualidade da serra capixaba esteve no foco e abriu possibilidade de contratos futuros.

Os grandes destaques foram as degustações promovidas pelas empresas participantes da feira, que contaram com a participação de cafés brasileiros, entre eles amostras campeãs do 1º Concurso de Cafés Certificados- Fairtrade do Brasil- do 5º colocado Valdeir Tomazini, de Castelo; e do vencedor Marcos Marchioro, de Vargem Alta - e do Prêmio de Qualidade dos Cafés Arábica das Montanhas Capixabas, realizado em março. Graças a essa exposição, a Pronova está fechando a venda, para os próximos meses, de três a cinco contêineres para a americana "Green Mountain".

"Chegamos a um ponto em que o café da nossa região fala por si só, pois trata-se de um produto único. Mostramos para as empresas e torrefadoras com clareza o que fazemos no Espírito Santo. Existe um mercado se abrindo com mais firmeza, e, independente do preço, a qualidade está garantida e nosso café vai ter saída", diz Carnielli.

Essa perspectiva maior para o café local vem da valorização assegurada nos últimos anos. Cafés dos lotes campeões do Prêmio de Arábica e do Concurso de Cafés Fairtrade do Brasil, por exemplo, garantem ágio superior por saca. Só para se ter uma ideia, os lotes finalistas do concurso cuja premiação ocorreu mês passado, em Venda Nova do Imigrante, já haviam sido vendidos em fevereiro.

Para os vencedores do Prêmio de Qualidade dos Cafés Arábica das Montanhas Capixabas, as sacas foram vendidas a R$ 500,00, enquanto os vencedores do Concurso de Cafés Fairtrade do Brasil venderam as sacas por R$ 570,00 (Tomazini) e R$ 1.200 (Marchioro). O valor depende da nota dada pelos compradores. "Isso estimula ainda mais a produção da qualidade. Notas acima de 83, média levada em consideração, chegam a triplicar a quantidade de sacas vendidas. É o preço se adequando à qualidade", completa o presidente da Pronova.

Em setembro de 2012, três compradores americanos vieram experimentar os cafés da Pronova e comprá-los. Na ocasião, eles adquiriram 16 lotes de cafés finos das montanhas capixabas. Esse comércio mais próximo, seja aqui ou indo direto até o comprador do outro lado do continente, é uma ponte construída pela Cooperativa para seguir adiante, sem a chance de voltar. (Fonte: Sistema OCB/ES)
 

"

Lançamento do Dia C 2013 será em maio

"

O dia 7 de maio marcará o lançamento oficial da campanha que movimenta o cooperativismo mineiro em torno do voluntariado. Em evento a ser realizado na sede do Sistema Ocemg, em Belo Horizonte, a previsão é de que o público conheça, em primeira mão, as novidades da campanha do Dia de Cooperar (Dia C) para este ano.

A iniciativa, além de apresentar o novo conceito e os materiais de divulgação, busca orientar e motivar a comunidade cooperativista para ações sociais que culminarão no dia 14 de setembro, mas que, desde então, começam a ser trabalhadas. O evento de lançamento, que o ocorrerá das 8h30 às 17h30, envolverá também palestras e outras atividades em grupo.
 
 
Os interessados em participar devem fazer a inscrição até o dia 02/05, via fax: (31) 3025 7113 ou pelo e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. O formulário de inscrição já está disponível na seção Eventos do portal www.minasgeraiscooperativo.coop.br.
 
As inscrições obedecerão à ordem cronológica de chegada e serão encerradas atingido o número de 100 inscritos. Para mais informações, entre em contato pelo telefone 31. 3025-7110.
(Fonte: Ocemg)

 

"

Jogos promovem integração e incentivo à cultura cooperativista

"

Substituindo competição por cooperação, o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Piauí (Sescoop/PI) realizou no último sábado (13/4) os Jogos Intercooperativos. O evento, realizado no Iate Clube de Teresina, reuniu mais de 250 participantes disputando diversas modalidades e incentivando o trabalho em grupo.

A atividade faz parte do Programa Cooperjovem, uma ação nacional de formação e capacitação que visa difundir a cultura cooperativista e enaltecer valores essenciais como a cooperação, responsabilidade e a ajuda mútua. Participaram professores e alunos de cooperativas da capital e do interior do Estado, buscando na integração, formas de promover a competição saudável, onde todos são campeões.
 
Roberto Guerrero, assessor especial do Sescoop, explica que um dos princípios cooperativistas é o respeito entre as pessoas e a natureza. Para exercitar esse ponto, o evento promoveu uma atividade artística, onde os jovens foram convidados a expressão em uma tela de pintura, um desenho com a temática “cooperar para um mundo melhor”.
 
“Todos os jogos foram pensados para a integração entre as cooperativas, proporcionando a Intercooperação dos participantes. Os grupos são mistos, assim aprendem a cooperar entre as diferenças, compreendendo o verdadeiro sentido dos Jogos”, declara Guerrero.
 
Depoimentos - Para Valéria e Luana, alunas da COEBS de Curimatá (PI), essa é uma oportunidade para conhecer outros estudantes que têm na sua formação características cooperativistas. Elas utilizaram a tela em branco para produzir a obra denominada “Cooperar com a Natureza”, explicando como o homem pode extrair da floresta produtos para sobreviver, sem prejudicar a própria existência. “Somente com a cooperação do homem com os outros homens e com a natureza, teremos progresso unido à sustentabilidade”, conclui Valéria.
(Fonte: Sescoop/PI)
"

Encontro para construção da Diretriz de Promoção Social mostra primeiros resultados

"

Brasília, 12/4/2013 – Em clima de descontração e em um abienta agradável, participantes das cinco regiões do país encontraram-se em Brasília (DF), entre os dias 9 e 11 de abril, para definir a estrutura da Diretriz Nacional de Promoção Social do cooperativismo brasileiro. Seguindo a premissa de construção participativa do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop), a gerência de Promoção Social promoveu o 1º encontro do Comitê responsável pela elaboração da Diretriz, para debater elementos estruturantes do documento. A proposta da atividade foi a formulação do conceito de promoção social, uma indagação comum para o Sescoop e, como primeiros resultados, já foram elencados os eixos estruturantes da futura Diretriz.

O facilitador do encontro, professor Benedito Nunes Rosa, iniciou o evento propondo a construção coletiva e participativa do conhecimento. “Extrair das pessoas o que elas têm de melhor é fundamental nesse processo, pois assim vamos construir programas e projetos sólidos para o Sescoop”, afirmou. Nunes ressaltou dois pontos-chave: O primeiro é o poder dos gestos simples, a simplicidade sofisticada. A grande oportunidade pode ser a soma de pequenas oportunidades que nos são oferecidas todos os dias. Ele citou que o Sescoop está em um momento essencial e vital para a transformação da sociedade. O segundo é o foco no resultado, onde o Sescoop quer chegar e o que todos precisam para chegar lá juntos. Segundo o facilitador, “no Sescoop, as pessoas são vocacionadas para a atividade cooperativista. Se as organizações transformam a sociedade, as pessoas é que transformam as organizações”.


Grupos – A primeira atividade desenvolvida pelos grupos surgiu após a exibição de um vídeo inspirador. De onde surgem as boas ideias? Palavras como inspiração, desejo, necessidade, inquietude, desconforto, dentro outras, surgiram como fonte de boas ideias. Divididos em grupos, seguindo o modelo do “World Coffee” (aqui batizado de “Café Cooperativo”) – uma prática pela qual as discussões são realizadas em meio a um ambiente criativo e descontraído, proporcionando maior fluência de ideias e argumentações – os participantes apresentaram suas considerações. O grupo Capuccino, representado por Patrícia Rezende, citou a existência de barreiras como a vaidade. Já Nêmora Paim, do grupo Café com Chantilly, disse que a crise provoca o surgimento das oportunidades. O Grupo Café com Leite, do representante Leonardo Boesche, disse que “as ideias surgem de coisas simples e têm dois grandes eixos: necessidade e visão”.
 
Metodologia – A proposta da atividade foi a formulação do conceito de promoção social, uma indagação comum para o Sescoop. O facilitador apresentou os principais conceitos e aplicações do tema e suas derivações em organismos nacionais e internacionais, resumindo os textos em uma proposta orientadora para discussão dos grupos, seguindo a metodologia do “Café Cooperativo”. Cada moderador, após os trabalhos de grupo, apresentou sua linha de raciocínio e defendeu o entendimento para desenho do conceito formado. Houve participação dos demais componentes, que contribuíram na explanação. Um ponto comum de embate foi inserir a comunidade na definição.
 
Virtudes – Este foi o tema durante o segundo dia de encontro. “A importância de identificar as virtudes dos outros” foi largamente discutida pelos participantes que tiveram de apresentar um acróstico com as virtudes de um dos colegas. “Esta atividade propiciou um momento de descontração, sinergia e cumplicidade”, segundo Maria Eugênia. Como resultado deste segundo dia, também, foram definidos os eixos estruturantes da Diretriz de Promoção Social: Cultura e cooperação; qualidade de vida; responsabilidade social; saúde e segurança no trabalho. Durante as atividades dos grupos, a gerente lembrou que essas quatro dimensões são as áreas em que a promoção social atua.
 
Resultados – Antes da apresentação da conclusão dos trabalhos pelos moderadores, o facilitador Nunes ressaltou a importância das atividades que foram desenvolvidas durante os dias de encontro. “Foram produzidas importantes conclusões que servirão de base para a elaboração da Diretriz Nacional de Promoção Social. E tão importante quanto as conclusões, foi o processo de construção coletiva do conhecimento, onde cada um com suas características, personalidades, conhecimento e experiência, puderam somar e, juntos, elaborar um conjunto de informações e orientações, dando importante significado ao trabalho”, avaliou.
"